Com raiva, Trump diz que 'imprensa está fora de controle'

Com raiva, Trump diz que ‘imprensa está fora de controle’

Presidente dos EUA chamou o The New York Times de ‘debilitado’ e o The Wall Street Journal de ‘mal-agradecido’, e disse também que a CNN divulga ‘notícias falsas’
17 fev 2017

O presidente dos Estados Unidos Donald Trump criticou os jornalistas que te fizeram perguntas em entrevista coletiva e disse que os cidadãos não acreditam mais na imprensa. “O tom é tão odioso. Eu realmente não sou uma pessoa ruim”, afirmou a um correspondente da CNN.

Na coletiva sobre a nomeação do novo secretário de Trabalho do país, Trump disse várias vezes que queria passar a vez da pergunta para “repórteres amigáveis”.

Para ele, “a imprensa se tornou tão desonesta que, se não falarmos disso, estaríamos em falta com o povo americano. A imprensa está fora de controle, o nível de desonestidade está fora de controle”.

O The New York Times escreveu que a entrevista demonstrou o quanto o presidente está zangado com o que dizem sobre ele. “Às vezes abrupto, muitas vezes vacilante, caracteristicamente arrogante, mas aparentemente dolorido com as representações sobre ele, o Sr. Trump parecia tentar reproduzir a energia e o entusiasmo de sua campanha após um mês de governo”, diz o texto.

Trump criticou duramente os maiores veículos de comunicação do país. Chamou o The New York Times de “debilitado” e o The Wall Street Journal de “mal-agradecido” e disse que a CNN divulga “notícias falsas”.

“Eu ligo a TV, abro os jornais e vejo matérias sobre o caos [do meu governo]. É exatamente o oposto. Essa administração está funcionando como uma máquina bem regulada, apesar de eu não ter meu gabinete aprovado.”

Comentários