Encontrada pintura rupestre mais antiga da humanidade: 73 mil anos

Encontrada pintura rupestre mais antiga da humanidade: 73 mil anos

Pedrinha pintada com um giz de cera rudimentar foi encontrada na paradisíaca caverna de Blombos, na África do Sul.
16 set 2018

Um pedaço de rocha com marcas de tinta de 73 mil anos foi encontrado na caverna de Blombos, localizada a 300 quilômetros da Cidade do Cabo, na África do Sul. Os traços, feitos com uma espécie de giz de cera rudimentar, são cerca de 30 mil anos mais antigos que as pinturas pré-históricas conhecidas até então – e podem mudar o que sabemos sobre a evolução da inteligência e da linguagem em nossa espécie.

A pedrinha analisada, infelizmente, é menor que um dedo. Por isso, só é possível discernir em sua superfície algumas linhas, que quase certamente eram parte de um desenho maior. O pigmento utilizado para traçá-las foi o ocre – um pó extraído de pedaços de argila que têm cor alaranjada graças aos óxidos de ferro presentes em sua composição (mais ou menos como a superfície de Marte).

Via Superinteressante
Comentários
PUBLICIDADE