Mistério: jovem desaparecida de Flores, um ano atrás, foi assassinada na BA

Mistério: jovem desaparecida de Flores, um ano atrás, foi assassinada na BA

4 mar 2014

220140202095621

A redação do Portal Nayn Neto no seu corriqueiro trabalho de garimpar matérias para o site, encontrou em um jornal da Bahia, uma matéria interessante e ao mesmo tempo misteriosa, onde discorre sobre o reconhecimento do corpo de uma jovem pernambucana da cidade de Flores-PE, assassinada em Luiz Eduardo-BA.

Pasmem os senhores que a tal jovem assassinada na Bahia, tratava-se de Jaqueline Maria dos Santos, 22 anos, esposa de Carlos Alberto Estima dos Santos, vulgo “Carlinhos Estima” ou “Carlinhos de Alzira”, assassinado no dia 20.04.12, às 03h30 da manhã, no Sítio Barra, zona rural de Calumbi-PE, onde alguns dias após a morte de “Carlinhos Estima”, sua esposa teve um misterioso desparecimento, junto com sua filha, aparecendo morta às margens da BR 242, no dia 21.10.12, no município de Luiz Eduardo-BA, cidade onde foi enterrada com indigente pelo não reconhecimento da mesma, a qual só foi reconhecida pelos familiares no início do mês de fevereiro deste ano.

Vejam na íntegra a matéria do Jornal Nova Fronteira da Bahia:

A polícia civil elucidou a morte da ‘moça do setor industrial’ como ficou conhecido a jovem assassinada com tiros de pistola encontrada morta no dia 21 de outubro de 2012, no setor industrial de Luís Eduardo Magalhães, no oeste da Bahia. A vítima finalmente foi reconhecida por seu irmão através de fotos arquivadas pelo Departamento de Polícia Técnica em Barreiras.

Um irmão da jovem esteve no DPT e reconheceu a irmã através de fotos e comparação de impressões digitais coletadas pela polícia cientifica, antes do sepultamento da vítima, como indigente.

Jaqueline Maria dos Santos tinha 22 anos na ocasião em que foi executada às margens da BR 242 onde foi encontrada.

“Ela era casada com o líder de uma quadrilha do estado de Pernambuco que acabou assassinado e na ocasião em que foi morta convivia com outro membro da mesma facção criminosa, que pode ter sido o autor de sua morte. Após assassinar Jaqueline supostamente aqui no Oeste da Bahia, o criminoso retornou para Pernambuco e abandonou a criança na porteira de uma fazenda da família no município de Triunfo/PE”, ressaltou o delegado Leonardo Mendes.

Em entrevista à nossa reportagem na manhã deste domingo, 02, o delegado informou que um caseiro da fazenda viu o suspeito deixando o bebê no local, e logo em seguida o entregou aos avós. “Os sites de notícias da região tiveram papel fundamental na localização da vítima, porque ao visualizar as fotos na internet, a família decidiu procurar a polícia de Luís Eduardo Magalhães”, finalizou o delegado.

Veja também matéria relacionada ao caso, reproduzida pelo Blog de Luiz Carlos Fernandes e por vários blogs da região do Pajeú:

Ex-presidiários são assassinados em Calumbi e em Sertânia

Um agricultor ex-presidiário foi assassinado no Sítio Pinheiro de Cima, Zona Rural de Sertânia-PE, às 21h40 dessa sexta-feira (20). De acordo com a polícia, quando o José Paulo da Silva Freire, 36 anos, amasiado, saiu do Bar Zé Cardoso e se dirigiu a um terreno baldio para urinar foi surpreendido por um disparo de arma de grosso calibre, vindo do matagal, que lhe atingiu o tórax causando morte imediata. Testemunhas e familiares não souberam informar o autor nem tampouco a motivação do crime. A ocorrência foi repassada à Polícia Civil.

mort

O motorista Carlos Alberto Estima dos Santos, 28 anos, amasiado, foi assassinado no Sítio Barra, Zona Rural – Calumbi-PE, às 03h30, dessa sexta-feira (20). Segundo a companheira da vítima, Jaqueline Maria dos Santos, ela saiu para o terreiro da casa, com Carlos Alberto até o caminhão Mercedes Bens, de cor branca, placa KGT 5519 Flores-PE, ele iria viajar no veículo para Trindade – PE., No entanto, ao retornar para a residência ouviu disparos de arma de fogo no momento em que estava fechando o portão e voltando ao local verificou que o companheiro estava baleado dentro da cabine do caminhão, alvejado na cabeça, no braço esquerdo e no tórax, falecendo no local. Ela garantiu que não viu quem efetuou os disparos como também não sabe a motivação do homicídio. Policias Civis da DP de Calumbi foram ao local da ocorrência para tomarem as medidas cabíveis e o IML recolheu o corpo da vítima para perícia. Diligências estão sendo feitas no intuito de localizado o autor do homicídio. A vítima era ex-presidiário do Estado do Rio Grande do Norte por motivo de furto.

Agora cabe a polícia pernambucana correr atrás das evidências, elucidar a  ligação, clara e evidente, entre os três assassinatos, colocar atrás das grades os culpados pelos crimes e dar a devida resposta ao povo florense sobre estes “aquivos queimados” e devolver a paz aos familiares das vítimas.



Comentários