Notícias

Restos mortais da menina Beatriz serão transferidos para Petrolina

Por: em 03/04/2019 às 06h24 atualizado em 03/04/2019 às 11h25

A família da menina Beatriz Angélica Mota, assassinada em Petrolina em 2015, irá realizar a transferência dos restos mortais dela no próximo sábado (6). Os restos mortais irão do cemitério da Lagoa da Pedra, em Juazeiro, Bahia, para o Memorial SAF, em Petrolina, Sertão de Pernambuco. A cerimônia acontecerá às 16h30.

Beatriz foi assassinada com 42 facadas na escola onde estudava, durante a solenidade de formatura das turmas do terceiro ano, em Petrolina, no Sertão pernambucano. A irmã da criança era uma das formandas. A última imagem que a polícia possui da menina foi registrada às 21h59 do dia 10 de dezembro de 2015, na quadra do colégio. A gravação mostra quando Beatriz se afasta da mãe e vai até um bebedouro instalado na parte inferior da quadra. O corpo da garota foi encontrado horas depois atrás de um armário dentro de uma sala de armazenamento de material esportivo.

Comentários

Desenvolvido por: