Sophia Abrahão diz ter sido assediada por diretor: 'Cultura machista'

Sophia Abrahão diz ter sido assediada por diretor: ‘Cultura machista’

10 jan 2017

Nesta terça-feira (10), Sophia Abrahão participou do programa ‘Morning Show’, da Jovem Pan, e fez um discurso firme na luta pela igualdade de gêneros, usando a si mesma como exemplo para mostrar as dificuldades que as mulheres enfrentam diariamente.

A atriz e cantora revelou que já foi assediada por um diretor e teve medo de ser prejudicada caso reclamasse.

“Na televisão coisas que achamos que é normal e que não deveriam, como ser assediada por diretor, já aconteceu. Aí cai naquela de não poder fazer nada porque tem uma hierarquia. É difícil esse lugar que ocupamos ainda”, lamentou.

A onda de músicas com letras que tratam mulheres como objetos sexuais também é algo que não vem agradando Sophia. Para a Jovem Pan, a atriz disse que acredita que artistas e comunicadores têm a responsabilidade de passar mensagens boas aos seus fãs, assim como divulgou em texto aberto em seu Facebook.

“É uma cultura machista que está enraizada no mundo há anos. Me surpreendo com letras de música e acho que está na hora de entendermos nosso papel social como artistas e comunicadores. Apesar de eu não ser referência, acho que posso passar uma boa mensagem para os meus fãs. Não foi uma mensagem direcionada para ninguém, foi algo geral mesmo”, explicou.

Do MSN
Comentários
PUBLICIDADE