Notícias Serra Talhada

Associação emite nota de repúdio em ST e Presidente da previdência rebate

Leia a nota na íntegra

Por: em 18/09/2020 às 05h57 atualizado em 18/09/2020 às 05h57

Nesta quinta-feira a APROST entrou em contato com o Portal Nayn Neto para publicação de uma nota. A APROST – Associação de Professores de Serra Talhada, enviou então uma nota de repúdio e indignação.

Leia na íntegra:

As imagens são do Protesto Silencioso realizado por pela Associação

A Associação dos Professores de Serra Talhada – APROST, vem tornar público a sociedade de Serra Talhada, a nossa Indignação e Repúdio ao tratamento que tem sido dispensado aos nossos Aposentados e Pensionistas que, de forma desrespeitosa e injusta, vem, mês após mês, atrasando o pagamento dos seus salários devidos.

Hoje, quarta-feira (16/09), ainda não foram pagos e nem tem previsão de data para que se processo esse depósito nas contas desses Servidores que cumpriram, com louvor, suas carreiras no serviço público.

É inaceitável que essa situação perdure por mais tempo, sem uma resposta por parte da Gestão Municipal e do Instituto de Previdência Própria visando dirimir esse problema que mexe com a vida, não apenas do aposentado ou pensionista, mais da família cujo sustento é mantido com esse salário.

Não iremos nos calar diante de tamanha injustiça…. Iremos ocupar todos os espaços, desde a mídia digital, radiofônica, bem como, manifestações na sociedade para divulgar o nosso repúdio diante desse descaso. Esperamos que sejam procedidos os encaminhamentos necessários pelo poder público para que sejam resolvidos, de mediato, essa situação.

Gestão pública e Educação se faz com pessoas, pensar nas pessoas é pensar em uma educação de qualidade, com equidade, com compromisso e com responsabilidade e com valorização profissional.

À DIREÇÃO

Logo em seguida, o Presidente da Previdência Municipal – Jânio Carvalho – se manifestou. Segundo ele o pagamento é realizado todo dia 10 de todos os meses e que a nota seria “inverídica”.

“Quando a APROST emitiu a nota cobrando o salário dos aposentados, nós já tínhamos realizado os pagamentos. A Prefeitura de Serra Talhada não tem um mês de atraso”, disse.

Jânio ainda disse que a nota emitida pela APROST tem “claro interesse político eleitoral, tendo em vista que o presidente da dita associação já foi secretário do município e é oposicionista a atual gestão”, finalizou.

Comentários

Desenvolvido por: