Esportes

Sport Recife busca formas de aumentar receita para sonhar alto em 2021

Por: em 15/03/2021 às 13h46 atualizado em 15/03/2021 às 13h46

Fonte: Pixabay

Após uma temporada de altos e baixos, o Sport Recife conseguiu se manter na elite do futebol brasileiro e planeja voos mais altos em 2021. O objetivo principal ainda é a manutenção na Série A, mas a diretoria planeja formas de ampliar a força do elenco pernambucano. Para conseguir isso, é necessário aumentar a receita do clube, que sofreu com a ausência de torcedores durante a temporada passada. O Leão parece disposto a tentar novas formas de receita, que vão desde a venda de jogadores até a criação de um time voltado para o eSports.

Com apenas dois jogadores contratados até o início de março, os atacantes Maxwell e Toró, o Sport deve economizar bastante no mercado de transferências. A diretoria confirmou que tem pouco dinheiro para reforços, e também anunciou a saída de quatro jogadores. Nomes como Vinicius Popó, Bruninho e Lucas Venuto não tiveram o contrato de empréstimo renovado. Ou seja, a equipe pernambucana deve economizar em salário nos próximos meses.

Apesar da manutenção na Série A, a campanha do Sport não foi muito positiva. A equipe terminou a temporada 2020 na 15ª posição, conseguindo apenas um ponto a mais que o Vasco. Foram 12 vitórias, seis empates e 20 derrotas durante as 38 rodadas do Brasileirão. O aproveitamento de 36,8% foi o suficiente para evitar a zona de rebaixamento, mas é preciso melhorar para sonhar mais alto no futebol nacional.

Essa missão estará nas mãos do treinador Jair Ventura, que chegou ao clube em agosto do ano passado e conseguiu dar uma boa impressão aos torcedores. As vitórias da equipe na parte final do Brasileirão, como no 2 a 1 contra o Internacional, foram essenciais para manter o Sport na elite do futebol brasileiro. Entretanto, a missão mais complicada será de elevar o patamar do time em 2021. A diretoria tem buscado maneiras de expor mais o nome do clube e, como consequência, gerar melhores receitas.

No mundo dos eSports

O entretenimento digital é um dos setores que mais ganhou espaço com as pessoas, seja em Pernambuco ou em qualquer outro estado brasileiro. Isso significa que a internet se transformou em um mercado com grande potencial de público. No caso dos serviços de streamings, por exemplo, a variedade dos catálogos e a facilidade para assistir filmes e séries fez com que várias empresas conseguissem ampliar o número de assinantes no Brasil. A mesma situação se repetiu com os cassinos online, que oferecem até bônus de rodadas grátis para os novos usuários. O objetivo é mostrar que as versões virtuais dos jogos de apostas, como as slots machines temáticas e as mesas de roleta em tempo real, podem ser mais dinâmicas e interessantes que os cassinos tradicionais. Porém, são os jogos eletrônicos que merecem um destaque maior, pois é onde o Sport está começando a investir.

No início deste ano, a equipe pernambucana ampliou a presença no universo dos eSports, que é o nome dado aos torneios oficiais de jogos eletrônicos. Com equipes desde o ano passado em games como Counter-Strike: Global Offensive e Free Fire, o Sport anunciou que também vai disputar competições de League of Legends. A ideia é ampliar ainda mais a presença da equipe e causar um impacto positivo na imagem do clube.

O objetivo principal da diretoria é mostrar que o Leão está de olho nas principais tendências dos esportes, e não apenas no futebol. Além disso, é também uma forma de chamar atenção de novos patrocinadores e aumentar a receita da equipe. Uma ideia inovadora, e que alguns outros times do Brasileirão também fazem. É o caso do Flamengo e do Corinthians, que inclusive são referências nos eSports.

Futebol pernambucano

Essa busca por mais receitas é algo comum no futebol de Pernambuco, que nunca teve condições financeiras seguras. O Salgueiro Atlético Clube, por exemplo, anunciou vários reforços para a disputa do Campeonato Pernambucano 2021, mas quase todos sem pagar nada. A falta de torcedores nas arquibancadas prejudica os clubes da região, assim como acontece em todo o Brasil.

O objetivo do Sport neste ano não será nada fácil. A campanha ruim da temporada passada mostrou que o Brasileirão é uma competição complicada, e Jair Ventura sabe que precisa de reforços para se manter na elite. Enquanto isso, a diretoria pernambucana busca novas formas de conseguir receitas, e assim oferecer aos torcedores do Leão um elenco que possa brigar por títulos e representar a camisa rubro-negra.

Comentários

Desenvolvido por: