Notícias

Homem é preso após esquartejar vítima em Salgueiro

Homem se apresentou à Delegacia

Por: em 31/07/2020 às 06h43 atualizado em 31/07/2020 às 06h43

No final da tarde desta quinta feira (30), o homem identificado por F. de A. C. de A. conhecido como “Go”, 34 anos, residente na Rua Projetada, Loteamento São Francisco em Salgueiro, foi preso por ser o suspeito de assassinar e esquartejar outro homem na cidade.

De acordo com as informações, ele se apresentou, devidamente acompanhado de advogado, na 193ª Delegacia de Polícia Civil da mesma cidade.

No momento foi dado o fiel cumprimento ao Mandado de Prisão Temporária, expedido pelo Juiz da Vara Criminal da Comarca de Salgueiro e recolhimento para o PSAL do município. Após a apresentação do mesmo, os policiais militares, passaram a realizar as diligências com o intuito de identificar os envolvidos no ato criminoso.

Após as investigações, foram identificados vários locais onde possivelmente o acusado estaria escondido, e apesar dos esforços das equipes policiais, o criminoso permaneceu encobertado, entretanto, perseguido diariamente, mostrou não lhe haver opção adversa à sua apresentação na DPC, finalizando assim as buscas e finalmente solucionando o caso que aterrorizou a população local e região.

O Crime ocorreu na manhã da quinta-feira (23), partes de um corpo humano foram encontrados em um matagal, na Rua Projetada, no Loteamento São Francisco, em Salgueiro.

Os moradores relataram que visualizaram um cachorro carregando um braço humano. Em seguida, populares encontraram um tronco de uma pessoa no matagal e no início da mesma noite, moradores daquela localidade encontraram outras partes do corpo.

Os restos mortais estavam a cerca de 100 metros do local onde foi encontrado o tronco da vítima e as partes já apresentavam estado avançado de putrefação. O corpo foi encontrado decapitado, sem a cabeça, braços e pernas, que estavam espalhados nas proximidades. Na ocasião, a Polícia Civil e o Instituto de Criminalística foram acionados para a realização da perícia inicial.

A ocorrência foi registrada na Delegacia de Polícia Civil da 193ª Circunscrição em Salgueiro, aonde foi instaurado um inquérito para a solução do fato. Com informações de Francisco Brito.

Comentários

Desenvolvido por: